Segunda, 30 Agosto 2021 18:59

CMDCA realizou eleição para o Conselho Tutelar

Escrito por
CMDCA realizou eleição para o Conselho Tutelar

Beatriz (Bia) e Ivone entrarão nas duas vagas deixadas pelos vereadores Paulinho e Débora Madalena.

O Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Além Paraíba - CMDCA - AP, realizou no último domingo, dia 29 de agosto, o Processo de escolha Suplementar de 2021para os membros do Conselho Tutelar, já que a eleição nacional somente acontecerá em 2023. A eleição foi para escolher os dois novos conselheiros que vão ficar como suplentes em caso de necessidade. Ao assumirem o mandato legislativo, em janeiro deste ano, os veteadores Paulinho e Débora Madalena deixaram vagos os seus cargos de Conselheiros Tutelares. Como os suplentes à época assumiram, hoje não há reserva de suplentes no Conselho. Daí a necessidade de eleição para a suplência.

A Eleição, muito movimentada por sinal, aconteceu no decorrer do último domingo, 29, nas dependências da Escola Estadual Sebastião Cerqueira, e transcorreu dentro da normalidade.

O Presidente do CMDCA, Gilmar de Paula da Silva, informou que foram utilizadas dez seções com votos em cédulas, sendo utilizada a urna de lona.

O presidente do CMDCA, Gilmar de Paula da Silva e a Dra. Adriana Carvalho Pereira, Promotora de Justiça da Criança e do Adolescente em Além Paraíba, supervisionaram os trabalhos de votação.

Todo o processo de Escolha Suplementar contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Além Paraíba, Fórum Nélson Hungria, Polícia Militar, Guarda Municipal, Agentes Sanitários, Comissão Organizadora da PECT e Conselheiros do CMDCA.

Após o encerramento das votações, foram apurados os votos, num total de 1.778 eleitores. São duas mulheres as candidatas mais votadas e que deverão assumir, ainda nesse ano, as vagas temporárias de Conselheiras Tutelares: Ivone da Silva, com 270 votos; e Beatriz Calixto Braga, com 216. Essas duas serão as primeiras a ser chamadas para cobrir férias e licenças médicas.

Confiram o resultado final, com os votos dados a cada candidato: - Ivone da Silva: 270 votos;

- Beatriz Calixto Braga: 216 votos;

- Flávia Oliveira Viana: 164 votos;

- Aline de Barros Silva: 134 votos;

- Luiz Belmiro P. Pinto: 113 votos;

- Viviane dos Santos Pinto: 110 votos;

- Rangel Morais Pessoa: 107 votos;

- Fabiana Cavalieri Monção: 100 votos;

- Maria Fernanda D. Cruz: 91 votos;

- Yasmim da Silva L. Tassi: 84 votos;

- Marietti Lima R. Silva: 83 votos;

- Carinne Ribeiro Machado: 53 votos;

- Roberta Almeida da C. Nunes: 52 votos;

- Maria de Medeiros Almeida: 43 votos;

- Thaise Cristina dos S. Guimarães: 42 votos;

- Vinicius Valdean Genésio: 31 votos;

- Juliana Mattos Marinho: 30 votos;

- Beatriz de Jesus Medeiros: 29 votos; e

- Jederson das Chagas Silva : 26 votos

Em uma conversa com a reportagem do Jornal Agora, o Presidente do CMDCA, Gilmar de Paula da Silva explicou que, na verdade todos os votados são suplentes, já que essa eleição é suplemententar, pois não havia mais suplentes para o Conselho Tutelar. Todos os suplentes do último PECT unificado já se transformaram em titulares de fato e com isso acabou o quadro de suplentes.

Os primeiros dois Suplentes (Ivone e Beatriz) devem ocupar a titularidade ainda esse ano, pois existe a necessidade de suprir as férias e licenças.

- No cargo de Conselheiro Tutelar nunca há a garantia de que os Conselheiros Titulares terminem o seu mandato, o que nos obriga a chamar os suplentes conforme a necessidade. Já aconteceu diversas vezes de o último Suplente na lista de classificação virar conselheiro titular, inclusive aconteceu no último PECT e tivemos que fazer um outro emergencial para ter mais suplentes- informou Gilmar.

(Da redação, com a colaboração de Soninha Carvalho)

Informações adicionais

  • Cidade:Além Paraíba - MG